quarta-feira, 22 de agosto de 2007

Astor Piazzola

Esta postagem é antiga. Volto a ela hoje (14 de fevereiro de 2010) porque percebi que o vídeo abaixo não está liberado, não sei exatamente o porquê, mas pelo seu link o acesso está livre. Coloco-o então: http://www.youtube.com/watch?v=QCmP4bEJfOg


(ver comentário atualizado acima) Amigos e amigas, posso pedir-lhes 5 minutinhos (e 31 segundinhos) de atenção? Se concordarem, cliquem no post abaixo. Nos comentários do vídeo, que podem ser lidos no http://www.youtube.com/watch?v=LTJQnCcFlvc alguém conta uma história – que deve evidentemente ser uma lenda – que uma vez em Buenos Aires, quando ainda não era famoso, Piazzolla tocava e a cada pausa ouvia alguém na platéia dizer: "hijo de puta". Ao final da apresentação, cansado de tanto ouvir xingamentos foi tirar satisfação com o espectador inconveniente e descobriu que o mesmo dizia: "Eso hijo de puta toca como Diós!". Era seu futuro amigo, Vinícius de Moraes.

3 comentários:

Gê Cesar de Paula disse...

Há uma outra bela versão, com uma orquestra maior que pode ser vista no:
http://www.youtube.com/watch?v=LCJcf-tUDH8&mode=related&search=

D'Noronha disse...

Cinco minutinhos de emoção...
Abç.

Gê Cesar de Paula disse...

É, caro Antonio, eu vi, ouvi e chorei..